ESTE BLOG É UM ESPAÇO RESERVADO A TROCAS DE EXPERIÊNCIAS ENTRE FUNCIONÁRIOS, PROFESSORES DIREÇÃO , PAIS E TODA COMUNIDADE ESCOLAR.

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

orientações para preenchimento da ficha individual do aluno

Outro ponto que temos que ter Cuidado é como escrevemos certas características ou
fatos ocorridos no decorrer da observação, a forma como se escreve pode trazer problemas para o professor, os responsáveis poderão sentir-se ofendidos, assim como interpretar como uma humilhação, um descaso, um constrangimento para os filhos, causando transtornos e até processo para o professor que muitas vezes não teve a intenção." O relátorio é um documento escrito e assinado pelo professor".
Assim como a agenda que é uma forma de registro.

Segue alguns exemplos da forma de expressões do senso comum da escrita e da forma mais clássica da mesma escrita:

A Criança é:

Mentirosa - Utiliza-se de inverdade para justificar seus erros.
Tagarela/ Conversa demais- Não respeita o momento de falar, não deixa os companheiros se expressarem.
Não sabe- Apresenta dificuldades nos conteúdos trabalhado até o momento, terá que rever alguns conteúdos.
Não tem Limites- Necessita rever as regras de convivência e combinados da sala, precisamos porém da paceria da família.
Tem costume de roubar- Apropria-se de objetos dos colegas.
É agressiva- Demonstra agressividade com os colegas, principalmente em disputas por brinquedos e conflitos diversos.
É relaxada- Não cuida dos seus pertences e materiais, não tem capricho.
Não tem apoio famíliar- Necessitamos da intervenção e parceria escola-família para que o desenvolvimento do aluno seja pleno.
É desobediente- Tem dificuldades em atender pedidos dos professores, funcionários e pessoas que a supervisionam/ Não compreende solicitações de adultos.
É distraída/Apática- Não interage nas atividades e brincadeiras propostas, distrai-se com facilidade, pouco se expressa com os colegas e professoras.
Fofoqueira- Demonstra preocupação com atitudes e ações dos colegas e esquecendo dos seus afazeres.
Vive atrás do professor- Demosntra carinho e apego a professora.
É dissimulada- Em conflitos é sempre vítima, mesmo estando clara a sua participação nos eventos.
É preguisosa- Não realiza as atividades propostas observa-se desânimo e cansaço, porém em outros momentos brinca e movimenta-se sem nenhum problema.
Boca suja- Apropria-se de palavras obscenas e pouco cordiais para se referir aos colegas, em momentos de conflitos e em brincadeiras diversas.
Egoista- Necessita de orientação para compreender a importância do brincar no coletivo e a dividir os brinquedos e brincadeiras com os demais.
Não para sentada- É uma criança inquieta, agitada, ansiosa... que não consegue sentar-se e prestar atenção a explicações e comandas

Na avaliação de educação infantil o ponto
principal são
os avanços e os aprendizados que as crianças
tiveram no semestre.
Registraremos
muito mais os pontos positivos e o negativos
dependendo deles uma conversa formal com os responsáveis
é a melhor solução para alguns comportamentos
indesejaveís. Lembre-se´
seu trabalho também é avaliado.
"Ação- reflexão-ação da Prática"

Nenhum comentário:

Postar um comentário